Mostrando postagens com marcador design. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador design. Mostrar todas as postagens

quarta-feira, 12 de março de 2014

Moda e design: Cetiqt inscreve para cursos de pós-graduação


São três especializações presenciais e uma a distância, que recebem inscrições até 14 de março

O Senai Cetiqt está aceitando inscrições para três cursos de especializações: Design de Estampas, Design de Moda, Pesquisa de Comportamento e Consumo e Design de Moda a distância,

O concorrido mercado da moda exige profissionais altamente capacitados. Segundo a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil), o país está entre os 10 maiores mercados mundiais de fios, fibras, tecelagens e confecções. Por isso, as oportunidades crescem em ritmo acelerado. O Cetiqt – centro de tecnologia instalado em dois campos no Rio de Janeiro: Riachuelo e Barra da Tijuca - ministra quatro cursos de pós-graduação Latu Sensu para quem quer amplia sua participação no mercado.

São especializações abertas a profissionais de moda, design, belas artes e afins: Design de Estampas; Design de Moda; Pesquisa de Comportamento e Consumo e Design de Moda, este ministrado a distância. As aulas começarão em abril, e vão até junho de 2015, exceto o curso voltado para a pesquisa, no campus Barra, que vai até agosto de 2015.

O curso a distância conta com encontros nos Polos de Apoio Presencial: Belo Horizonte, Campina Grande/PB, Rio de Janeiro, Salvador e Vila Velha/ES. O conteúdo é oferecido com recursos educacionais diversos, como material didático impresso, animações, vídeos, simuladores e jogos, disponibilizados no Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA). A instituição adota a plataforma Moodle — ambiente online utilizado por milhares de usuários e instituições educacionais do mundo inteiro.

Para saber mais acesse aqui, via atendimento@cetiqt.senai.br ou pelo 21 2582-1001

Fonte Portal Indústria

quinta-feira, 6 de março de 2014

Design de moda: MoMa indica 10 livros para download grátis

Museu Metropolitano de Arte de Nova York (MoMA) oferece para alunos do curso de moda e interessados no assunto: 10 livros sobre o tema para download gratuito. A lista fala sobre diferentes assuntos, épocas e estilos, além de comparar a moda antiga com a atual.



Confira a lista: 

1 - American Ingenuity: Sportswear, de Richard Martin
2 - Bare Witness, de Richard Martin e Harold Koda
3 - Haute Couture, de Richard Martin e Harold Koda
4 - Madame Grès, de Richard Martin e Harold Koda
5 - Christian Dior, de Richard Martin e Harold Koda
6 - Wordrobe, de Richard Martin
7 - Joias Metropolitan, de Sophie McConnell
9 – Orientalismo: Visões do Oriente no vestido ocidentais, de Richard Martin e Harold Koda
10 - La Belle Époque, de Julian, Philippe e Diana Vreeland




segunda-feira, 24 de fevereiro de 2014

Design e inovação: revista eletrônica abre prazo de submissão de trabalhos

Periódico científico multidisciplinar, a revista de design, inovação e gestão estratégica – REDIGE – está convidando a comunidade acadêmica para submeter trabalhos em sua próxima edição, de abril de 2014. O prazo para submissão é 10 de março de 2014, e os artigos enviados são avaliados por meio do método Blind Review.

Clique aqui para ler a edição de dezembro de 2013, e aqui para saber mais sobre a submissão de trabalhos

A REDIGE é uma publicação eletrônica bilíngue criada pelo Senai Cetiqt em 2010, com periodicidade quadrimestral. Suas páginas são dedicadas à publicação de artigos e ensaios da comunidade científica nacional e internacional que investiguem questões de interesse estratégico para o desenvolvimento da cadeia têxtil, de confecção e conhecimentos transversais às outras áreas.

O público-alvo do periódico é formado por pesquisadores, professores, empresários, profissionais e estudantes com interesse na cadeia de valor têxtil, de confecção, moda e suas interseções com outras atividades econômicas e industriais.


sábado, 25 de janeiro de 2014

Moda e design: São Paulo lança tendências Primavera-Verão 2014/15 com apresentações itinerantes

Paulistas e interessados de todo o país em vestuário; calçados; artefatos de couro; joias folheadas e bijuterias poderão conhecer a partir de terça (28/1/2014) as tendências da estação Primavera-Verão 2014/2015. 

A iniciativa é do Senai de São Paulo, que vai promover palestras e oficinas e o lançamento de um box de inspirações, com cadernos que trazem análise das tendências.



O box é composto por cinco volumes, sendo um deles voltado para macrotendências de comportamento e consumo e os demais direcionados para cada um dos setores, com análises e tendências específicas.

As apresentações vão até 13 de fevereiro, nos principais polos produtivos relacionados aos setores de vestuário, calçados e acessórios do estado: São Paulo, Franca, Jaú, Birigui, Americana, Santo André, Limeira, Cerquilho, São José do Rio Preto e Araçatuba.

Em cada cidade haverá palestra de lançamento das tendências, com a participação de profissionais do Senai. Nas cidades de São Paulo, Franca, Jaú, Birigui, Americana e Limeira ainda serão abertas oficinas de design, gestão e processos elaboradas de acordo com o foco de cada polo produtor.


O box de inspirações e tendências será distribuído gratuitamente durante a palestra de lançamento, e será comercializado posteriormente pela Senai-SP Editora.

Fonte Agência Indusnet Fiesp


sexta-feira, 10 de janeiro de 2014

Inovação: baseado na técnica do Origami, estudante de design cria embalagem inovadora para ovos

Gil Rodrigues, estudante de design português, desenvolveu o conceito do que pode ser uma nova embalagem para acomodar os ovos que compramos com frequência nos supermercados.

Rodrigues se inspirou nos origamis para criar uma embalagem dobrável e que ainda por cima é mais amigável com o meio ambiente.

Amigável pois, feita a partir de cartolina, pode substituir as tradicionais embalagens de isopor e plástico. O projeto também é inovador ao permitir, justamente por ser dobrável, que cada ovo seja embalado individualmente, o que aumentaria a proteção do produto.


De acordo com o site da revista Fast Company, o principal problema da inovação de Rodrigues é justamente a maneira como ela foi desenvolvida. A embalagem é totalmente dobrável e não há colas ou emendas. E isso pode dificultar a aplicação comercial do produto.


Fonte original O Estado de São Paulo


terça-feira, 12 de novembro de 2013

Inovação: indústria têxtil terá um novo Centro de Tecnologia

Como principal suporte ao fortalecimento da competitividade da indústria têxtil brasileira, o Centro de Tecnologia da Indústria Química e Têxtil (Cetiqt), unidade do Senai instalada no Rio de Janeiro, vai aplicar mais de R$ 50 milhões em projetos de Educação profissional, tecnologia, conhecimento e inovação.

O valor é cinco vezes maior que os R$ 10 milhões registrados no triênio anterior.

Os investimentos para os próximos três anos fazem parte do Plano Estratégico 2013-2016. A meta é reforçar os serviços do Centro para o atendimento da indústria e das demandas dos consumidores.

Serão ampliadas para 33 mil as matrículas em programas de Educação profissional a distância e em cursos semipresenciais para atender a um leque maior de empresas em todo o país. Nos últimos três anos foram 24 mil inscritos.

Do investimento total, R$ 14 milhões vão para a ampliação e modernização dos laboratórios de ensaios, calibração e avaliação de performance, que fazem os testes laboratoriais de atendimento a requisitos legais e normativos. 

Mais R$ 18 milhões serão destinados ao desenvolvimento de programa de apoio ao setor de confecção, desenvolvido em parceria com o Sebrae. Outros R$ 18 milhões serão empregados na modernização das plantas-piloto de confecção, fiação e tecelagem e enobrecimento.

O foco é manter equipamentos e sistemas de produção compatíveis com as principais tecnologias empregadas na indústria.

Fundado em 1940, no bairro do Riachuelo, o Senai Cetiqt conta com plantas-piloto completas que reproduzem o ambiente fabril, além de rede integrada de laboratórios e área de inovação, estudos e pesquisas.

Também com unidade na Barra da Tijuca, O Centro tem cursos técnicos, de qualificação e aperfeiçoamento profissional, graduação e pós-graduação. As empresas contam com serviços técnicos e tecnológicos, como consultorias e design e testes laboratoriais.


Fonte Portal da Indústria


quarta-feira, 23 de outubro de 2013

Design: estampas e paisagens

Já reparou como algumas paisagens dariam belas estampas? O inglês Joseph Ford já. O fotógrafo é responsável pela série Aerial fashion & aerial landscapes, onde compara vistas aéreas com detalhes de estampas variadas.


Clique aqui para ver o trabalha de Ford

Entre os aspectos mais interessantes do trabalho de Ford, está a preferência por paisagens não necessariamente deslumbrantes, mas com aspectos visuais fortes que possam ser postas lado a lado com peças comuns ao nosso dia a dia.

Semana Design Rio: ‘O design social cria soluções para a pobreza’, afirma curadora de museu em Nova York

Designer de formação, e ativista de direitos humanos e justiça social de longa data, a americana Cynthia Smith encontrou em um museu de Nova York o lugar ideal para conjugar sua dupla atuação.
 

Cynthia apresentará palestra na Semana Design Rio,
na sexta (25/10/2013) Foto Agência O Globo

No Smithsonian Cooper-Hewitt, National Design Museum, único nos Estados Unidos dedicado ao design contemporâneo e à história da atividade, Cynthia se tornou curadora de design socialmente responsável em 2009, dois anos depois de ter realizado lá a exposição 'Design para os outros 90%', uma referência à parcela da população que não costuma ser atendida por esse tipo de projeto.

Antes de chegar ao Cooper-Hewitt, ela passou mais de dez anos fazendo projetos de design e planejamento multidisciplinar para instituições culturais. Em seu engajamento político, chegou a disputar uma eleição para líder distrital.
 
Decidida a integrar seus interesses, a designer voltou a estudar e se formou na Harvard University’s Kennedy School of Government. Hoje, Cynthia é uma referência para quem busca uma visão e uma atuação engajadas no universo do design.

Clique aqui para continuar lendo a reportagem completa no O Globo, e aqui para saber mais sobre a Semana Design Rio.


domingo, 6 de outubro de 2013

Design: projeto transforma pontos de ônibus em galerias de arte a céu aberto

A ideia partiu de uma brincadeira do publicitário Eiguel Ribeiro, junto com um grupo de amigos. Convencidos de que a paisagem precisava ser retocada, e de que a população estava carente de contato com a arte, eles decidiram colorir um ponto de ônibus no Paraná. O sucesso foi tão repentino que hoje eles são como uma exposição de arte a céu aberto.
 
Clique aqui para ler mais no Hypeness
 

quinta-feira, 3 de outubro de 2013

O design transforma: este é o tema da Semana D – Festival de Design no MON

Mostrar que o design não precisa ser elitista está sendo a principal tarefa da Semana D – Festival de Design, que chega à sua terceira edição em 2013.

Realizada pelo Centro Brasil Design e a Prodesign>PR, com patrocínio do Sebrae, a Semana D é moldado de acordo com eventos similares que ocorrem anualmente na Europa. Com o tema O design transforma, o evento vai até domingo (6/10/2013), no Museu Oscar Niemeyer, em Curitiba.

Clique aqui para saber mais sobre

A ideia é desmistificar o design, mostrando que ele está no cotidiano de todos – mesmo que muitos não o percebam. As principais atrações da agenda da Semana, como palestras nacionais e internacionais, workshops, debates e exposições, serão promovidas de sexta a domingo.

sexta-feira, 20 de setembro de 2013

Dica de design: a toalha flutuante

De uma folha de acrílico, o designer alemão John Brauer cria a mesas Illusion. São peças únicas, em cores diversas.




No site www.essey.com você encontra mais novidades inteligentes produzidas por Brauer e do designer australiano Tarmo Likki.


segunda-feira, 9 de setembro de 2013

Design: 6 tendências para fortalecer marcas

A Tátil, escritório especializado em estratégia, expressão e experiência de marca, reuniu seis tendências que são indicadores da mudança para marcas que desejam seguir mais vivas do que nunca.

Clique aqui para fazer download do relatório com as tendências

Segundo os criadores da proposta, “a análise dessas características pode trazer ferramentas poderosas para marcas que querem se tornar relevantes ou que simplesmente desejam que suas propostas sejam bem recebidas. O que não é pouco, senão tudo."

Fonte Tátil 


sexta-feira, 6 de setembro de 2013

Design: o legado de André Stolarski

Stolarski, uma das referências

brasileiras em design (Foto Tecnopop)

Nos tempos pré-faculdade, André Stolarski tinha duas grandes áreas de interesse: arquitetura e física. Ele costumava destacar que o “desvendar o mundo” está presente em ambas, mas acabou, no entanto, oficialmente ligado à primeira, ao cursar Arquitetura na Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo (FAU-USP).

E como de lá ele se tornou um dos grandes profissionais do design gráfico brasileiro? “A FAU é um caminho aberto. Muita gente sai de lá fazendo muita coisa diferente; me envolvi muito com design, por conta das questões de linguagem tratadas pelo professor Chico Homem de Mello. Foi o que acendeu meu interesse pela discussão da linguagem e design”, explicava.

Com apenas 43 anos de idade, Stolarski faleceu na madrugada do último sábado (31/9/2013), vitimado por um câncer. Concedeu ao Meio & Mensagem* uma de suas últimas entrevistas e instigado a contar qual sua cor preferida, respondeu ser a “escarlate”, já sobre um desejo: “ver o design brasileiro ganhar mais importância”.

Que as novas gerações de profissionais da área se inspirem em seu legado e batalhem para cumprir esse desejo.

*Clique aqui para ler a reportagem completa de Roseani Rocha publicada no Meio & Mensagem.


segunda-feira, 26 de agosto de 2013

Prêmio Design: iF Product Design Award faz 60 anos

Desde 1953, o iF se sobressai como uma das principais instituições de design do mundo. Dentre suas atividades está o IF Product Design Awards, que se realiza anualmente. O prêmio é um dos dez maiores e mais importantes selos como sinônimo de qualidade.



A
s inscrições estão abertas até 25 de outubro deste ano. Clique aqui para saber tudo sobre 



sexta-feira, 9 de agosto de 2013

Design: Ceará Moda Contemporânea vai premiar novos talentos

Destacar novos profissionais para o mundo da moda. Essa é a proposta da quinta edição do concurso Ceará Moda Contemporânea, promovido pelo Sinditêxtil, Sindroupas e Sindconfecções, em parceria com o Sebrae e o Senai-CE. O evento final será promovido na feira Maquintex, em 21 de agosto, a partir das 19h30, no Centro de Eventos do Ceará, em Fortaleza.


Clique aqui para conhecer os finalistas do Design 2013


O concurso reúne estudantes, autodidatas e profissionais da moda, nas categorias Design (individual), Modelagem (individual ou dupla) e Costura (individual). Os participantes serão avaliados considerando quesitos como técnica e criatividade durante as etapas da competição.

Este ano, o desfile da categoria Design tem como tema Arte, Moda e Contemporaneidade. Seis designers participarão da grande final: Bruno Oliveira Araújo, David Lee Costa Pinto, Fernando Luis Butrago da Silva, Maciel Kelton de Sousa Gomes, Márcia Regina Ferreira da Silva e Maria Iclea dos Santos Coutinho. O primeiro colocado ganha uma viagem (com passagem e hospedagem) de capacitação no Projeto Circuito Moda Londres promovido pelo Senai-CE, em setembro próximo.

Os finalistas das categorias Modelagem e Costura serão divulgados somente no dia do evento.

Para o Sinditêxtil, 2013 será especial tendo em vista os 130 anos da indústria têxtil cearense e a parceria com a Maquintex, feira consolidada como grande evento da indústria têxtil do Nordeste.

Esta edição do concurso mobiliza cerca de 102 inscritos e 3 mil convidados para o evento final.

Mais informações: 85 3421-5456.


segunda-feira, 5 de agosto de 2013

Moda e design: Centro especializado tem vagas para cursos de curta duração no Rio

O Senai Cetiqt está com oportunidades para diferentes cursos nas áreas de artes, figurino & indumentária; confecção; estamparia; moda, design e modelagem. Os programas são de extensão e curta duração. As vagas são limitadas e serão ofertadas durante este segundo semestre, no Rio de Janeiro, de acordo com cada curso.

Clique para se inscrever e saber mais

Quem já participou aprova os cursos do Cetiqt. A estilista carioca Cecília Varella é professora universitária de moda. No mês passado, ela fez o curso Figurino no Cinema, na TV e na Propaganda. Segundo ela, o curso de extensão, com 20 horas/aula, agregou conhecimento e vai ajudá-la em seu trabalho.

“O Cetiqt tem um nome muito grande no mercado, foi um dos pioneiros do curso de moda. A dinâmica em sala é muito boa. Como o Senai tem uma visão industrial, tudo é feito na prática, as pessoas chegam na aula e já colocam a mão no trabalho, não ficam apenas na teoria”, conta Cecília, destacando que “os professores são muito bons e o centro é bem aparelhado”.

Fonte Portal da Indústria


terça-feira, 16 de julho de 2013

Design: Ford pega carona nos 50 anos do Mustang para mostrar quais foram os protótipos que deram origem ao emblemático esportivo


A Ford aproveita os 50 anos do Mustang para resgatar parte da história deste emblemático modelo, considerado um dos mais famosos já criados pela marca norte-americana.

Antes de lançar a primeira geração do Mustang a Ford desenvolveu uma série de conceitos e protótipos que não passaram da fase de estudos.

As imagens abaixo mostram quem foram os carros que deram origem ao esportivo. Conheça as principais características de cada um deles:



Estudo Avanti 1962
O Avanti foi uma das primeiras apostas de como seria um esportivo pequeno – para os padrões americanos, naturalmente – de quatro lugares. O cupê rebaixado foi apenas um dos inúmeros estudos de design avaliados até a direção da Ford aprovar a produção do Mustang.

Embora a forma final do Avanti não tenha sido a escolhida, o seu teto fastback foi adotado no Mustang 1965 de produção. O processo de criação de um carro novo envolve um extenso trabalho de edição de ideias e esta foi uma das muitas que não sobreviveram à peneira.



Mustang 1965 quatro portas
O Mustang usou como ponto de partida a plataforma do "compacto" Falcon de duas portas e uma versão de quatro portas do "pony car" foi pensada como forma de completar essa ideia. Felizmente para os fãs do Mustang, as cabeças frias prevaleceram.



Conceito Mach 2 1966
O Mustang já batia recordes de vendas após o seu lançamento oficial quando o chefe de design Gene Bordinat e o time de Veículos Especiais da Ford resolveu rearranjar as partes do conceito Mach 2. O motor V8 Hi-Po 289 foi transferido da frente para trás dos bancos, estudo que serviu para a sua avaliação como um possível sucessor do Shelby Cobra. Infelizmente, o Mach 2 é outro modelo que nunca foi além da exibição no circuito de salões.



Conceito Allegro II 1967
Em 1967, os designers da Ford resolveram retomar um dos conceitos originais do projeto do Mustang de 1962, adotando uma nova proposta de forma e de nome. Tendo como base o cupê Avanti, toda a área envidraçada foi removida e substituída por um pára-brisa baixo, de estilo speedster, com nova traseira e para-lamas em formato de asa.

Como a Studebacker, hoje extinta, já tinha usado o nome Avanti em sua linha, o conceito retrabalhado foi chamado de Allegro II, remetendo a um dos primeiros estudos de design do carro.


Por Carsale Fotos: Divulgação




quinta-feira, 4 de julho de 2013

Bienal Brasileira de Design: concurso vai escolher criador do logotipo do evento

A V Bienal Brasileira de Design, que ocorrerá em 2015, em Florianópolis, ainda não possui identidade visual. Se você tem mais de 18 anos e reside no Brasil pode se inscrever no Concurso Bienal, realizado pela SC Design.

O trabalho vencedor receberá R$ 35 mil. As pré-inscrições devem ser feitas até 31 de julho.

 As propostas deverão ser apresentadas em um conjunto de impacto visual e qualidade estética no qual devem constar as seguintes informações:
  • O logotipo da Bienal Brasileira de Design (disponível no site da SCDesign)
  • A nomenclatura OBA
  • O ano: 2015
  • Local: Florianópolis, Santa Catarina.

A V Bienal Brasileira de Design será um evento cultural, de caráter empreendedor e educacional. Concentrará as principais realizações da área cultural e do setor empresarial produtivo, apontando tendências, provocando discussões e promovendo a Marca Brasil com o melhor da produção nacional no período. A Bienal deve representar a indústria nacional e a importância do design como ferramenta estratégica para a competitividade.





Design para todos
Com o tema “Design For All” – Design para Todos –, a V Bienal Brasileira de Design promoverá na capital catarinense exposições nacionais e internacionais, seminários, workshops e instalações. Outras cidades do estado, como Blumenau, Joinville, Criciúma, Chapecó, Itajaí e Lages, receberão eventos pré-Bienal, com mostras de design nacional.

Patrocinada pela Apex Brasil, apoiada pela Fiesc e promovida pela SC Design, a Bienal 2015 será inspirada no Salão de Milão, tradicional evento do setor que atrai milhares de turistas, empresários e designers à cidade italiana, para conferir as tendências mundiais em design.

“O design será mostrado na sua essência, como uma atividade sustentável de desenvolvimento econômico, social e ambiental. Ele agrega valor aos produtos industriais, garantindo diferenciação e ganhos de competitividade”, aposta a presidente da SC Design, Roselie Lemos.

A escolha de Santa Catarina não foi por acaso. O Estado tem o quarto maior parque industrial de transformação do país em quantidade de empresas, ou seja, campo fértil para o design. Os dados fazem parte do material elaborado pela SC Design, com o apoio do Sistema Fiesc e do governo do estado.

Desde sua primeira edição, na capital paulista, em 2006, a BBD ganha expressividade. Em 8 mil metros quadrados, o evento acolheu no Parque Ibirapuera 35 mil visitantes, que puderam conhecer 600 produtos. O número de produtos expostos dobrou em 2008, em Brasília, onde a mostra atraiu 40 mil visitantes.

Em 2010, em Curitiba, a Bienal contou com nove mostras espalhadas por seis espaços, que incluíram pavilhões de exposição e parques e teve como temática central Design, Inovação e Sustentabilidade. Em 2012, foi realizada em Belo Horizonte, com o tema "Diversidade Brasileira". Uma decisão estratégica definiu que a quinta edição ocorreria em 2015, em razão das eleições gerais que vão mobilizar o país em 2014.

Fonte SC Design


terça-feira, 11 de junho de 2013

Design de moda: especialistas divulgam novas tendências e comportamentos para o Verão 2014

As principais tendências para o mercado de moda brasileiro no verão de 2014 – cores, tecidos, estampas, materiais e detalhes – acabam de ser apresentadas pelas pesquisadoras Carol Fernandes e Milena Cariello, em durante a programação do Sesi Zoom Cultural no Paraná Business Collection (6/6/2013).

(Foto Gelson Bampi)
As pesquisadoras explicaram de que forma é desenvolvida a pesquisa de monitoramento e a análise de macrotendências. Mostraram também como é analisado o comportamento social e o que acontece no mundo, não apenas na moda, mas nas áreas da política, economia e cultural, e como essa análise influencia na tendência. Ressaltaram ainda a importância do monitoramento dos desfiles, para compreender de que maneira as tendências chegam às vitrines e às ruas.

Em viagens internacionais, Carol e Milena analisam as próximas tendências para o Brasil. A primeira etapa é a pesquisa da cor. “Quando identificamos a primeira linguagem visual, conseguimos processar as cores, pois é muito importante essa seleção das principais cores já confirmadas para o verão. Como o tonzinho saudável do rosa blush, que vem com muita força para o verão”, afirma Milena.

Como destacaram as especialistas, as cores para o próximo verão são rosa (blush); amarelo; azul claro (pool); laranja (orange), que foi eleita a cor do ano; vermelho (indicada como o novo “pretinho básico”); floresta (verde) e azul arará. Para o inverno, apontaram as cores off-white (branco envelhecido); pink lady; creme brulée; amarelo intenso; azul profundo; cinza; vinho; vermelho e a cor do ano, o laranja.

As novas tendências em estamparias serão geométricos P&B (preto e branco); florais tropicais; étnicas; natureza multicolorida; florais decorativos (com fundos de cores variadas) e a animal (felinos). Os materiais utilizados: renda (em toda peça ou em detalhes); telas; adamascados; tweeds e muito brilho.

O que estará em alta: listrados, bonés, tênis, lateral em destaque, micro casaquetos, blaser anos 80, top lingerie, body, saias curtas. Shorts boxe e em alfaiataria, nova conot (calça cenoura) e a proposta em pequenas transparências e tecidos com estampa de coração.

Fonte Agência Fiep



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Visualizações